Os passos do online à loja física. Agora é possível

Baixar Baixar

O que antes podia parecer inviável, não é mais. A partir deste mês, os grandes anunciantes poderão saber quais anúncios no digital levam mais clientes aos seus estabelecimentos físicos. A adoção de novas tecnologias de produto desse tipo tem como ponto de partida nossa relação com os smartphones, que mudou de vez as nossas expectativas e comportamento como consumidores.

Sem percebermos, não acessamos mais a internet, pois vivemos online todo o tempo, usando o dispositivo mais próximo sempre que queremos pesquisar alguma informação, ir a algum lugar, fazer ou comprar algo. E tudo é feito rapidamente, em micro-momentos. No Brasil, segundo dados do Consumer Barometer, 83% dos usuários de smartphones, por exemplo, utilizam um mecanismo de pesquisa quando procuram uma empresa local, próxima de onde estão. Enquanto nos Estados Unidos, 50% dos consumidores que realizam pesquisas locais em smartphones visitam uma loja em até um dia.

Entender a dinâmica dessas relações é essencial para os profissionais de marketing medirem o impacto de seus anúncios em visitas físicas. Foi pensando exatamente nisso que o Google criou o Adwords Store Visits Conversion, disponível na coluna "Estimativa do total de conversões" no Google Adwords. Das campanhas para estimular as chamadas por telefone às conversões em múltiplos dispositivos, tudo estará em visitas à loja para que se possa avaliar o total de anúncios em novos caminhos de conversão.

Quando o assunto é consumir, não existem mais barreiras. As pessoas consultam e compram no online e em lojas físicas. É por isso que as principais empresas de Omni-Channel, como a Macy’s, usam uma estratégia de marketing de visão holística nos canais digital e offline.

"Costumávamos ter dois orçamentos isolados diferentes. Nós realmente temos apenas um orçamento de marketing. Procuramos a melhor maneira de gastá-lo, seja de forma digital ou offline. Nosso foco é a forma como esses canais funcionam em conjunto para gerar mais vendas e a melhor experiência ao cliente." - Serena Potter, vice-presidente do grupo de estratégia de mídias digitais da Macy's

Desde o lançamento do Store Visits (visitas à loja) nos EUA, Canadá e Austrália, estamos ajudando os anunciantes com lojas físicas em todo o mundo, de vários setores, a avaliar melhor o impacto dos seus anúncios online em visitas à loja.

A Rona Inc., uma varejista canadense de equipamentos e produtos para casa e jardinagem, avalia novos caminhos de compra online usando as visitas à loja. A Rona observou 20 vezes mais conversões ao incluir visitas à loja como resultado dos anúncios da Rede de Pesquisa e aumentou imediatamente os lances em palavras-chave para dispositivos móveis em mais de 400%. Com essa atualização, a marca continua otimizando desde a experiência do cliente online ao offline. Hoje, os anúncios da Rede de Pesquisa ajudam a promover a seleção da loja e fornecem rotas do Google Maps para o local mais próximo.

Vale lembrar que as visitas são estimativas calculadas com base em dados agregados anônimos de uma amostra do grupo de usuários que ativaram o Histórico de Localização. Esses dados são, então, extrapolados para representar a população mais ampla e informados apenas se alcançarem um rigoroso nível de confiança altamente conservador. Diante de um sucesso tão grande, começamos a implementar a solução de visitas à loja em outros países, incluindo Grã-Bretanha, Itália, Alemanha e Holanda. E agora chegou a vez do Brasil.

Para saber mais sobre o funcionamento do produto, acesse nossa Central de Ajuda, leia nosso artigo SEL ou assista ao vídeo abaixo. Para otimizar os anúncios online para sucesso offline, também criamos "O que há na loja", nosso guia de práticas recomendadas para gerar mais vendas na loja com o Google AdWords. Avalie você também os momentos importantes.

Postado por Surojit Chatterjee, diretor de gerenciamento de produtos, anúncios da Rede de Pesquisa para dispositivos móveis
Capítulo 6: Usabilidade