Como o vídeo online impacta a jornada de compras? 3 marcas dão uma pista

Todos conhecemos essa nova realidade: os consumidores controlam totalmente o caminho que percorrem na jornada de compras, e os pontos de contato se multiplicaram. As pessoas movimentam-se por canais e dispositivos como bem entendem, sem obstáculos – desde a descoberta, passando pela consideração e chegando à conversão. Mas o que talvez surpreenda na análise desse processo é o papel crucial do vídeo online, que pode ajudar a criar e a satisfazer demandas.

O papel crucial do vídeo online

Como o vídeo online impacta a jornada de compras? 3 marcas dão uma pista
  • Mais de 90% das pessoas dizem que descobrem novas marcas ou produtos no YouTube. 1
  • Mais da metade dos compradores afirmam que vídeos online os ajudaram a optar por uma marca ou produto específico.2
  • Mais de 40% dos consumidores em todo o mundo dizem ter comprado produtos que descobriram no YouTube.3

O marketing de sucesso sempre dependeu da construção de conexões significativas com o cliente. Mas a fórmula para chegar lá está constantemente evoluindo – em grande parte, devido ao comportamento dos consumidores. Aqui vão três dicas para ajudar você a responder melhor a essas mudanças de hábito.

Uma visão holística das metas de marca e de performance

Um ótimo vídeo, além de aumentar o conhecimento de marca, pode facilitar o caminho para a compra. Podemos ver isso em uma campanha brilhante do Marley Spoon, um serviço de assinatura de kits de refeição de Berlim.

Com o objetivo de aumentar o awareness e adquirir clientes, o Marley Spoon usou somente vídeos online. A equipe desenvolveu criativos que apresentaram a marca e explicaram o serviço, visando a alavancar as metas do topo do funil. Depois, eles adicionaram um elemento de resposta direta aos vídeos, usando calls to action objetivos que levavam os usuários ao site e às páginas de inscrição.

Os resultados da Marley Spoon validam essa abordagem híbrida desenvolvida pela equipe. Houve um aumento de 25% no conhecimento de marca e de 49% em ad recall. Já o volume de buscas foi cerca de 10 vezes maior, e as conversões tiveram crescimento de 54%. 4 Resumindo, mesclar storytelling e formatos de resposta direta pode ser bastante efetivo.

Identifique os melhores clientes

Anúncios envolventes em vídeo, que estimulam ações, podem colocar sua campanha no caminho do sucesso. Mas você vai desperdiçar oportunidades se eles não atingirem as pessoas certas. Uma das saídas para evitar isso é desenvolver um plano que alavanque os sinais de intenção do público.

Veja o exemplo da campanha do Axis Bank, de Mumbai, que buscou impactar potenciais clientes que tivessem dúvidas e preocupações específicas. Para despertar o interesse por seu novo app, o banco privado vasculhou palavras-chave e perguntas comuns relacionadas ao seu segmento, criando uma série de vídeos que explicam como o aplicativo poderia ajudar a pagar faturas pelo celular, a abrir contas e a fazer compras grandes, entre outras ações.

Após identificar as necessidades dos usuários e criar os vídeos, o banco conectou o conteúdo com as pessoas que buscavam essas informações. A marca criou segmentações por público-alvo baseadas em quem pesquisava palavras-chave relevantes, garantindo que as peças atingissem e ajudassem as pessoas certas na hora certa.

A iniciativa teve sucesso, resultando em um aumento de 234% em pesquisas de interesse e de 93% em volume de buscas pela marca.5 A campanha também alavancou as conversões, com um crescimento de 30% em abertura de contas pelo app.6

Vá ao encontro do seu público onde ele estiver

Fato: o público controla o percurso da jornada de compras. Ainda assim, você pode usar vídeos para criar um caminho atraente, de modo que as pessoas o percorram quando estiverem dispostas. Além disso, você pode ajudá-las marcando presença ao longo desse itinerário.

A Adidas fez isso recentemente para apresentar um novo modelo de chuteira. Usando a ferramenta de sequência de vídeos do YouTube, sua equipe criou uma campanha de vídeo mostrando o produto em diversos formatos de anúncio, com a ideia de impactar o público em diferentes momentos e pontos de contato, tomando como base o nível de engajamento dos seguidores.

Como o vídeo online impacta a jornada de compras? 3 marcas dão uma pista

A sequência incluía dois vídeos longos, um bumper “impulável” de 6 segundos e um vídeo do produto. O caminho descomplicado para quem quisesse se engajar ajudou a Adidas a atingir metas de branding e performance. Houve aumento de dois dígitos em awareness e ad recall, bem como um crescimento de 317% em interesse pelo produto.7

O mais impressionante foi o aumento de 20%8 na média de view-through rate (taxa de pessoas que assistem até o fim), à medida que a sequência avançava entre o vídeo longo e o de produto, provando como é importante customizar a sequência para conquistar maior engajamento.

Essas campanhas provam que metas de branding e performance podem andar juntas quando utilizamos vídeos. Esse é um formato capaz de prender a atenção, levando as pessoas da inspiração à consideração e estimulando ações. Uma estratégia holística para o uso de vídeos pode ajudar você a entregar, ao mesmo tempo, metas de performance mais imediatas e um brand equity de longo prazo.

Cinco maneiras de melhorar sua estratégia com o YouTube