Um dos maiores desafios em Marketing é identificar o verdadeiro impacto que uma uma mudança no investimento traz. Neste guia, apontamos como experimentos controlados de marketing podem melhorar o sucesso de uma campanha.

Publicado
Abril 2015
Tópicos

Consumidores tomam decisões de compra o tempo todo – no trabalho utilizando seus desktops, relaxando no sofá com seus tablets e nas lojas com seus smartphones. Hoje, a jornada do consumidor é complexa e cheia de pontos de contato para que os anunciantes se conectem com os consumidores através de diversos canais. Como resultado, os orçamentos de campanha – busca, vídeos e muito mais – precisam refletir a combinação mais eficiente de estratégias de marketing.

Mas nesse cenário de consumo em evolução constante, é difícil saber se aquele investimento de marketing está gerando algum impacto. A campanha apresentou o desempenho esperado para melhor ou para pior? Será que o investimento digital poderia ter sido alocado de maneira mais eficiente? A pressão para comprovar valor agregado é ainda mais importante, já que os anunciantes sabem que o orçamento de uma campanha geralmente determina o investimento da próxima.

O efeito cascata é que os anunciantes devem operar como cientistas, conduzindo experimentos quando o assunto é alocação de orçamento – seja através da adaptação de uma combinação de mídia, testando diferentes formatos criativos ou explorando novos canais de marketing como um todo. Ao medir o valor total de investimento em mídia digital através de experimentos controlados de marketing, podemos provar o que é eficiente e o que não é.

[[content-callout-1]]

Neste guia, ajudaremos você a entender os cenários ideais para a utilização de experimentos controlados de marketing, por que e como deveria aplicá-los. A melhor experiência de marketing segue um processo claro de desenvolvimento, é fácil de interpretar e leva ao aprendizado e ao aperfeiçoamento contínuo.

E quando você se tornar um expert na parte científica, você pode voltar à arte de conectar com os seus consumidores.