Os 10 artigos mais lidos de 2019

Dezembro de 2019

A jornada do consumidor passou a ser ainda mais complexa e imprevisível. Marcas tradicionais deixaram de lado suas amarras para apostar em campanhas digitais completamente inovadoras. Novos comportamentos surgiram e se consolidaram – da Geração Z aos seniores do Brasil. Tudo isso aconteceu dentro de um ano. É possível acompanhar tantas transformações no ritmo em que elas acontecem?

Aqui estão os 10 artigos com discussões sobre tendências, insights, dados abrangentes sobre o mercado e pesquisas reveladoras para provocar os profissionais que trabalham com marcas a pensar nos consumidores além dos estereótipos – e fazer com que a relação entre marcas e pessoas seja cada vez mais próxima e relevante.

Em comum, além do fato de serem os mais acessados do ano, eles abordam temas que podem se transformar em exercícios produtivos para lançar um olhar diferente sobre o uso da criatividade e da tecnologia. Para 2020, aguarde trabalhos, dados, insights e inspiração ainda mais promissores.

1. É hora de aposentar seu conceito de "velho": dados e insights sobre os seniores do Brasil

A definição de idoso ficou velha. Essa afirmação reforça o potencial de uma fatia da população que em breve será maioria. Eles têm interesses e hábitos de consumo plurais, estão cada vez mais ativos, saudáveis, dispostos a consumir e conectados com o mundo. Um exemplo disso é que o YouTube aparece como favorito na hora de assistir a vídeos online – com preferência 3x maior que o segundo player. Outro é que, no Brasil, eles buscam 19% mais encontros online que os de outros 9 países pesquisados.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Para conversar melhor com esse público, uma das dicas é deixar de lado os preconceitos e estereótipos associados à terceira idade e mergulhar de cabeça nos aprendizados do estudo.

2. Para ter sucesso, a mulher precisa de mais do que "uma mão" em casa

Será que as mulheres são mesmo mais propensas a ser multitaskers, ou será que essa imposição é cultural? No Brasil, elas ainda dedicam 26 horas semanais a atividades domésticas, enquanto os homens contribuem com apenas 11 horas. Mesmo estudando mais, trabalhando e administrando a casa, as brasileiras continuam gerenciando os lares mais pobres do país e ganham 30% a menos do que os homens.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Suzana Ayarza, diretora de Marketing do Google, dividiu dados e reflexões atuais para encurtar o caminho que temos pela frente até um mercado de trabalho que seja, de fato, igualitário.

3. Família, Futuro e Diversão: conheça as portas de acesso para a Geração Z

É possível falar com jovens brasileiros que não lembram de ver Ronaldinho Gaúcho e Zidane em campo, ou que associam referências culturais como Friends e Green Day com a geração de seus pais? Nascidos entre meados da década de 1990 e o fim da década passada, a Geração Z já representa 30% da população. Mas será que a sua marca consegue falar com eles? O que realmente importa para esses jovens? Como construir uma comunicação que faça sentido?

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

A publicidade tradicional já não funciona tão bem para esse público, que tem gostos pulverizados e um novo jeito de se engajar com seus assuntos de interesse. E o que funciona? Durante a pesquisa, 64% dos entrevistados disseram que gostam de um vídeo de marca quando ele é autêntico e reflete a realidade. Nesse artigo, que foi o mais acessado do Think with Google globalmente entre julho e setembro, você vai ver o que é fundamental para construir conexões verdadeiras com os jovens entre 18 e 24 anos.

4. Frações de segundo que valem milhões: como a velocidade mobile pode acelerar o seu negócio

Quanto custa 1 segundo a mais? No varejo, ele pode ser o que falta entre converter ou não uma visita. Isso porque a demora no carregamento de um site mobile pode impactar negativamente as conversões em até 20%. Já pensou na diferença que isso faz no seu resultado final?

Se uma experiência mobile lenta afasta os usuários, o contrário também é verdade: o acesso rápido ajuda a atrair e reter consumidores.
Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

A boa notícia é que é possível reverter isso. Ao olharmos para as listas de marcas de sucesso, percebemos que muitas delas fizeram da velocidade mobile uma prioridade. Inspire-se com esses exemplos e conheça também a Test my site, uma ferramenta do Google que oferece um diagnóstico de carregamento de cada uma das suas páginas para que você possa entender pontos de melhoria.

5. Veja como sua marca pode aproveitar ao máximo as datas especiais que vêm por aí

Datas e eventos marcantes ao longo do ano mudam – e muito – os hábitos de compra das pessoas. E a sua marca pode aproveitar esses momentos como grandes oportunidades. Acompanhe um tutorial com duas lições simples e diretas para você descobrir o que o seu público pode estar buscando e saber como encontrar as maneiras mais eficientes para conversar com pessoas novas.

Nestes dois vídeos você aprende a transformar datas-chave em um plano de marketing exclusivo.

6. Para planejar melhor o Dia das Mães, você precisa conhecer melhor as mulheres

Se as mães mudaram, por que as campanhas de Dia das Mães têm tanta dificuldade em acompanhar essas transformações? De modo geral, as mães brasileiras acreditam que as marcas ainda investem em ideias antigas e estereótipos antiquados. Por onde começar a fazer diferente? Tentar entender a atuação da maioria das mulheres no Brasil é um bom ponto de partida: você sabia que, no Brasil, 75% das mães conectadas usam a internet para buscar experiências reais sobre o universo materno?

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Foi no ambiente digital que muitas delas encontraram espaço e oportunidades para cobrar uma representação menos idealizada da maternidade. Nesse contexto, criar diálogos atualizados e autênticos passou a ser uma premissa obrigatória para se destacar. Veja alguns insights no artigo.

7. Direto do Zoo: 10 reflexões sobre criatividade e inovação

A criatividade é uma atividade que envolve risco. Ao exercê-la, o maior desafio é humano, e não tecnológico. Esse foi um dos insights do The Zoo, núcleo criativo do Google para marcas e agências. Ele foi inspirado por um dos maiores eventos sobre cultura e tecnologia do mundo.

Imagine uma atmosfera onde o maior estímulo é a intersecção de assuntos que aparentemente não têm nenhuma ligação: blockchain e polinização das abelhas, inteligência artificial e hip-hop, pixels em três dimensões, dados e Cirque du Soleil. Isso tudo é possível? Sim, e o Vinicius Malinoski, Head of Creative do The Zoo, fala sobre as inspirações desses e outros temas incríveis que surgiram no South By Southwest 2019 e que com certeza terão conexão com a edição de 2020.

8. A era dos brasileiros conectados: como dados e machine learning tornam seu negócio mais eficiente e útil

O Brasil teve um boom dos smartphones entre 2014 e 2016. Nesse período, a penetração dos aparelhos mais que dobrou, passando de 29% para 62%. Isso fez com que a maior parte da população fosse incluída no mundo digital. Uma transformação rápida, sem volta e muito importante de ser compreendida por quem trabalha com marcas.

Nós, cidadãos conectados, valorizamos cada vez mais as inovações que trazem mais rapidez, menos custo, mais comodidade e menos fricção.

No artigo mais lido do mês de maio, Fabio Coelho, presidente do Google Brasil, mostra como os dados e o machine learning estão presentes na vida da população brasileira, tornando a praticidade um requisito inegociável. Esse comportamento se estende inclusive à expectativa que as pessoas têm em relação às empresas e marcas com que se relacionam: para conversar com o público, é preciso compreender seus anseios e particularidades cada vez mais rápido – e sem esforço.

9. KondZilla: o que um dos maiores canais do mundo pode ensinar para sua marca

Linguagem original e alto envolvimento da audiência. Essa combinação pode trazer oportunidades únicas para marcas estabelecerem diálogos mais autênticos com uma fatia considerável do público brasileiro. E Konrad Dantas, dono do canal KondZilla, o maior do Brasil, dominou a receita como ninguém.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Com alto nível de aceitação e reconhecimento por parte do público, o KondZilla conquistou marcos impressionantes. Além de ter dado escala à profissionalização do funk brasileiro, ele é o 6º maior canal de música do mundo e o único no país com um videoclipe que bateu mais de 1 bilhão de visualizações.

10. Tudo o que um profissional de marketing precisa saber sobre machine learning

Você pode usar o machine learning para fortalecer sua estratégia de marketing de diferentes formas. Seja para encontrar os clientes certos, seja para oferecer campanhas com criativos mais relevantes ou mesmo para avaliar o desempenho do que foi feito com mais eficiência. O desafio é entender onde e qual aplicação vai fazer a diferença de verdade.

A automação nos ajudou a definir quem precisa ver nossos anúncios. Além de melhorar nossa habilidade de encontrar os clientes certos, agora somos especialistas em não gastar dinheiro com os consumidores errados.

– David Baekholm, vice-presidente sênior de marketing para crescimento da HomeAway

Se você precisa começar e não sabe exatamente como, ou mesmo se já usa e quer expandir seus conhecimentos para tirar mais proveito das possibilidades que a tecnologia oferece, esse guia interativo pode ajudar – e muito.

Bônus: mais cinco artigos

Nosso top 10 já traz um panorama relevante para 2019. Mas estes cinco artigos – que também foram destaque no ano – dão um sinal dos temas que ainda serão muito relevantes em 2020.

Como a transformação digital do Estadão mostra um novo futuro para o jornalismo

Com foco estratégico bem definido, priorizando entender melhor o leitor, o Estadão entrou de vez na era digital sem perder de vista os principais pilares do seu negócio: Conteúdo, Publicidade e Assinaturas. A partir disso, foram traçadas três grandes metas para a digitalização, visando melhorar a experiência do usuário, aumentar a receita publicitária e impulsionar o negócio das assinaturas.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Em números, a parceria com o Google significou 18% a mais de conversões de assinaturas digitais e mais de 60% de novos assinantes. Essa movimentação também foi crucial para o Estadão transformar de vez a cultura da sua empresa e se tornar uma referência para o futuro do setor jornalístico. Entenda melhor aqui.

Por que sua marca deveria saber o que a comunidade LGBTQIA+ espera dela

Diversidade e inclusão são temas que ganharam destaque em diferentes debates durante 2019. Só no YouTube, a busca por esses termos aumentou 71% e 24%, respectivamente. Mas será que esses dados refletem o que realmente importa para a comunidade LGBTQIA+? Onde estão os erros e acertos das marcas? O que podemos fazer diferente e melhor?

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Em parceria com a Box1824, conduzimos um estudo inédito e abrangente que abre a discussão para questões como essas. Abordamos o conceito de "passabilidade", os ciclos de exclusão versus inclusão e mais 6 dicas práticas que podem ajudar empresas e profissionais a encontrar caminhos para inclusão de forma construtiva, honesta e coerente dentro de um cenário em transformação.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Quando falamos de iniciativas de diversidade e inclusão, é fácil cometer o equívoco de buscar uma fórmula pronta, ou de tentar incluir todo mundo de uma vez só. Neste artigo, o marketing do Google mostra os bastidores de um trabalho que começou em 2017 e que revelou o quanto era necessário desenhar um plano de ação que garantisse a inclusão de mulheres negras em suas campanhas e demais projetos de comunicação.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Nessa trajetória, a equipe dividiu aprendizados com dados e direcionais práticos para as marcas que têm interesse em impactar de maneira positiva um cenário que precisa de mudança, mostrando como melhorar os resultados e a conexão com o público ao longo do caminho.

Os pais mudaram. O Dia dos Pais também. 4 dicas para uma data que só cresce

A velha imagem de provedor não faz mais sucesso com os pais brasileiros. As discussões sobre a nova masculinidade já são refletidas até nas escolhas de presentes para o Dia dos Pais: roupas, sapatos e acessórios compõem o nicho mais desejado de produtos entre eles. E a data, geralmente secundária no calendário de varejo, fica cada vez mais forte. Em 2018, já representou a segunda sazonalidade com mais pedidos de e-commerce – ficando atrás apenas do Dia das Mães. Até em faturamento os resultados são parecidos.

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Este artigo reúne dados e aprendizados para aproveitar melhor as oportunidades, entendendo desde o comportamento de consumo dos filhos até a expectativa dos homens em relação a como eles vêm sendo representados pelas marcas.

Creators Connect: o poder dos YouTubers

O YouTube Brasil tem dois canais brasileiros na lista dos maiores do mundo: o da produtora musical KondZilla, que tem mais de 53 milhões de inscritos, e o do creator Whindersson Nunes, com mais de 37 milhões de inscritos. Um dos principais trunfos da plataforma é a facilidade para estabelecer conversas autênticas entre marcas e público. Mas quais são os segredos para entender e aproveitar as melhores oportunidades desse cenário?

Por dentro do marketing do Google: o que estamos fazendo para garantir a representatividade e a inclusão nas nossas campanhas

Os creators aparecem como especialistas, e, por isso, são uma grande aposta para explorar esse caminho. Para conectar e potencializar o encontro de criadores, marcas e público, o YouTube lançou o Creators Connect. Entenda tudo sobre o formato e sobre como ele pode fazer a diferença na sua estratégia de influenciadores.

A era dos brasileiros conectados: como dados e machine learning tornam seu negócio mais eficiente e útil